Auto News Miguel Matos um dos favoritos à vitória na Fórmula Ford Portugal em Braga

Face a esta prestação, o piloto vimaranense é apontado como um dos favoritos à vitória na segunda jornada, agendada para o próximo domingo, no Circuito Vasco Sameiro, em Braga. Contudo,

Miguel Matos sublinha que o vasto pelotão conta com vários concorrentes capazes de vencer e, por isso, está sobretudo focado em rodar nos lugares da frente para pontuar bem para as contas do campeonato ao qual está associada a Ford Portugal. Miguel Matos já correu com o seu Fórmula Ford Zetec (Mygale 04) nas pistas de Jerez de La Fontera, Algarve e Estoril, mas dado que se iniciou na única competição de monolugares em Portugal a meio da época de 2016, ainda não experimentou, em situação de corrida, o Circuito Vasco Sameiro, em Braga. No próximo domingo, o piloto de Guimarães vai ter o seu batismo no traçado minhoto, mas sublinha que não será um ‘handicap’. “É verdade que nunca disputei uma prova no Circuito Vasco Sameiro, mas não vejo que isso seja uma desvantagem. Isto porque no ano passado, foi precisamente em Braga que experimentei pela primeira vez um fórmula. Quanto ao facto de agora ser diferente, ou seja, pilotar em situação de corrida, na época passada também nunca tinha corrido em Jerez de La Frontera, no Algarve e no Estoril e, inclusivamente, cheguei a vencer à geral no Estoril e à chuva, situação que também experimentei pela primeira vez”, começou por nos responder Miguel Matos, para depois frisar quais são os seus objetivos para a prova bracarense: “Iniciamos bem a época no Estoril. O Team Rectificadora de Guimarães proporcionou-me um carro muito competitivo e consegui tirar bom proveito, já que fiz a pole-position e depois venci a Corrida 1. Na Corrida 2, fiz falsa partida e tive de cumprir um ‘drive through’, mas ainda recuperei da 17ª à 4ª posição e fiz a volta mais rápida. Neste momento estou na segunda posição do campeonato e na prova do próximo domingo em Braga, quero sobretudo continuar a evoluir e terminar nos lugares da frente para pontuar bem para o campeonato que ainda agora começou. Se conseguir vencer – eu e a minha equipa vamos trabalhar para isso –, melhor ainda, mas existem muitos pilotos candidatos à vitória”, comentou na antevisão da prova minhota, o jovem piloto vimaranense de 20 anos de idade, que conta com a assistência técnica do Team Rectificadora de Guimarães.