Auto News Três Yaris WRC terminam no top 10 do Rali de Portugal e Lappi obtém pontos na Power Stage

Apesar de fazer a sua estreia no Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) da FIA, Esapekka Lappi conquistou três pontos ao alcançar o quarto melhor tempo na Power Stage. Na classificação geral ao fim dos quatro dias de prova: Juho Hänninen terminou em sétimo, Jari-Matti Latvala apesar de não se sentir bem, foi nono, e Lappi acabou em décimo.

Após a Super Especial de Lousada no primeiro dia, o segundo dia do Rali de Portugal mostrou a competitividade do Yaris WRC da TOYOTA GAZOO Racing. Numa clara demonstração de velocidade Jari-Matti Latvala, apesar de algo doente, esteve nos lugares cimeiros chegando a liderar na parte da manhã, no entanto um despiste a baixa velocidade custou-lhe vários minutos relegando-o para o décimo terceiro posto da geral. O Yaris WRC de Lappi com o intercooler obstruído também comprometeu a sua classificação na geral. Desta forma a dupla classificativa na Braga Street Stage, apesar de emocionante, pouco alterou a classificação geral. No terceiro dia de prova Latvala continuou fisicamente debilitado acabando por afirmar que estes dias do rali de Portugal foram fisicamente dos mais difíceis da sua carreira. Uma paragem forçada atrasou Hänninen e uma trajetória um pouco mais larga de Lappi originou um toque com a roda traseira direita do Yaris WRC custando-lhe alguns lugares na classificação geral.