Auto News CSS Group 1B e 3B prometem competitividade

Depois de um longo inverno a competição regressa ao Autódromo do Estoril em conjunto com o GT Open, com um lote de 33 equipas inscritas prometendo mais animação e lutas entre todo o pelotão, assegurando certamente um melhor espectáculo para o público.

O CSS é uma competição de clássicos, com regras dos antigos grupo 1 mas com algumas liberdades técnicas, de forma a conseguir-se controlar os custos ao máximo e assim a FPAK autorizou que o nome oficial fosse “CSS Group 1B e 3B”

Nesta primeira prova, destaque para a participação de dezassete equipas de carros com baixas cilindradas, cada um lutando pela sua classe dentro de um orçamento razoável e que permite que muitos entusiastas possam assim passar de espectadores a pilotos; aliás não será de estranhar que oito pilotos irão fazer no Estoril a sua primeira prova de circuito.

Claro que nas classes com maior cilindrada, os potentes Ford Capri, os carismáticos Ford Escort e os bonitos Jaguar XJS irão dominar os lugares da frente. Para Diogo Ferrão, responsável da Race Ready, entidade organizadora da competição, o CSS prepara-se para uma nova fase. “A Race Ready modificou o conceito do CSS para 2017. Tornou-se mais uma prova de Clássicos, identificando-se não só com a história dos antigos grupo 1, mas também com a “Sportmanship” que se pretende criar, juntando este ao espírito “Club Racing” que já existia. Afinal competir em Clássicos, não é apenas uma forma de conseguir taças e trofeus, é também respeitar e homenagear a história, tornando-se na competição ideal para quem gosta de automobilismo, mas que não possui grandes apoios.

Não posso terminar sem deixar de agradecer a toda a equipa da Race Ready, que abraçou este projecto em espírito desde o primeiro momento e agora com a satisfação de já na primeira prova de 2017 conseguirmos uma grelha record.”, Adiantou.